quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Onde vamos parar?

Esta é a pergunta que todos os portugueses fazem. Anda tudo doido neste país, é asneira atrás de asneira e quando querem consertar a borrada o que acontece? É pior a emenda do que o soneto não é verdade?

Sejamos sinceros há medidas de austeridade que são um pagode. Mas o nosso primeiro bate bem da cabeça? Não pois não? Isto é de rir...inventam e reinventam. Quando todos diziamos que era melhor esperar pelas mais recentes obras públicas teimaram em seguir com elas, vai na volta ainda vamos pagar indemnizações. Porque é que não esperaram simplesmente?

Dava para recuperar milhões num instantinho. Mas não? Corta nos Abonos, que já são muito grandes, aumenta IVA, etc. etc. Nem é bom falar em mais...o que é certo é que isto vai ficar bonito.

Levanta-se uma pergunta como vamos viver daqui para a frente? Alguém me consegues explicar?

Lau*

6 comentários:

Luka disse...

onde vai parar eu não sei mas não há-de ser num grande sitio!!! :S infelizmente é no que vivemos!



bjocas**

Kika disse...

Pois realmente tenho d concordar contigo, eles fazem tudo isso porque não lhes saí do bolso e ganham milhões, nós matamo-nos a trabalhar criar filhos para nos tarem a chular e depois aindam acham que tão bem, pois eles bem é que tão e nós é que nos lixamos sempre.

***

*C*inderela disse...

eu nem quero pensar no assunto para não entrar já em depressão

Olhos Dourados disse...

Isto não está fácil.

Cátia disse...

Realmente -.- devem de pensar que o dinheiro cai das árvores , está neste preciso momento a dar a noticia na tvi

O Blog da Framboesa disse...

Eu já desisti de me chatear e pensar no assunto. É como eles quiserem!
Recebo um abono do meu filho de 13€/mês e estes 2 ultimos anos tenho andado de trabalho temporário em trabalho temporário cujos rendimentos anuais são uma miséria!
Eles fazem borrada atrás de borrada, compram submarinos, a questão do TGV vai ficar mais caro do que o previsto e ainda me pergunto para que raio queremos um TGV se possivelmente o bilhete vai ficar mais caro do que ir de avião em low cost! A Europa ainda estã a exigir a portugal mais medidas severas, daqui a nada e que ninguém me ouça, vai ser obrigado a dar uma parte do ordenado!

Bjcs