quarta-feira, 16 de março de 2011

Leitura terminada

Terminei há dois dias a minha leitura do livro "Um sonho de Amor" da trilogia "O Sonho" de Nora Roberts. Já tinha aqui publicado a sinopse do livro (podem revêr aqui). Tenho a dizer que adorei o livro, a princípio tive dificuldade em perceber que rumo levaria a história.

Vou tentar não entrar em promenores não vá algum de voçês andar a lêr o livro, ou tencionar fazê-lo, e eu estragar os vossos planos. O livro dá-nos a perspectiva dos sonhos e da ambição e de como isso pode mudar a vida de uma pessoas que não desiste dos seus sonhos. No entanto, a não termos os pés bem assentes na terra teremos de enfrentar as consequências dos nossos actos. Quando lutamos por aquilo que queremos mas esquecemos um pouco as nossas raízes, um dia que nos tirem o tapeteo que fazemos? Engolimos todas as nossas más acções e voltamos para junto de quem amamos, não é? Queremos colinho e apoio dos mais próximos.

Mas e se não estiverem dispostos a dar-nos esse apoio que tanto queremos por causa de acções passadas? Felizmente não foi o que aconteceu a Margo, a personagem central deste primeiro livro. Margo queria ser uma modelo famosa na Europa, e conseguiu, mas não pelas melhores vias, não tomou as melhores decisões e não andou nas melhores companhias. Até que perde tudo devido a um escandâlo e volta para junto dos que a amam. É recebida de braços abertos por todos, apesar de terem um certo receio de que quando recupere auto-estima queira voltar de novo para o estrelato.

Isso não acontece Margo fica junto daqueles que nunca devia ter abandonado, desobre o Amor e torna-se uma pessoa melhor. Ao fim de tantos anos finalmente consegue perceber e entender a sua mãe. Este livro dá-nos mais uma vez a certeza de que é possível alguém mudar em prol dos que ama. Vou dar seguimento à trilogia, mas já conto que os próximos livros sejam tão bons como o primeiro.

Lau*

2 comentários:

Nokas disse...

Gosto muito dos livros dela :)

Daniela Pereira disse...

por acaso já há bastante tempo que não leio livros, o meu tempo também é bastante limitado. uma antiga professora minha de português hoje por acaso emprestou-me dois livros e já estou a metade de um deles, estou a divertir-me bastante.